Seguidores

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

CAMINHANDO...

Estava andando pela Internet quando encontrei uma foto Maravilhosa !!!
Parei e fiquei imaginando uma bela caminhada numa bela quarta feira....
Sonho ? Pode ser, mas quando conseguimos escrever algo estimulado por uma imagem preciosa, começamos a viver melhor...
Escolham alguma foto bonita por aí e me enviem com uma pequena história, para que eu possa dividir com os demais...
Vou aguardar...

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

COLISEU


O Coliseu, como não se encontrava inserido numa zona de encosta, enterrado, tal como normalmente sucede com a generalidade dos teatros e anfiteatros romanos, possuía um “anel” artificial de rocha à sua volta, para garantir sustentação e, ao mesmo tempo, esta substrutura serve como ornamento ao edifício e como condicionador da entrada dos espectadores. Tal como foi referido anteriormente, possuía três pisos, sendo mais tarde adicionado um outro. É construído em mármore, pedra travertina, ladrilho e tufo (pedra calcária com grandes poros). A sua planta elíptica mede dois eixos que se estendem aproximadamente de 190 m por 155 m. A fachada compõe-se de arcadas decoradas com colunas dóricas, jónicas e coríntias, de acordo com o pavimento em que se encontravam. Esta subdivisão deve-se ao facto de ser uma construção essencialmente vertical, criando assim uma diversificação do espaço.
Os assentos eram em mármore e a cavea, escadaria ou arquibancada, dividia-se em três partes, correspondentes às diferentes classes sociais: o podium, para as classes altas; as maeniana, sector destinado à classe média; e os portici, ou pórticos, construídos em madeira, para a plebe e as mulheres. O pulvinar, a tribuna imperial, encontrava-se situada no podium e era balizada pelos assentos reservados aos senadores e magistrados. Rampas no interior do edifício facilitavam o acesso às várias zonas de onde podiam visualizar o espectáculo, sendo protegidos por uma barreira e por uma série de arqueiros posicionados numa passagem de madeira, para o caso de algum acidente. Por cima dos muros ainda são visíveis as mísulas, que sustentavam o velarium, enorme cobertura de lona destinada a proteger do sol os espectadores e, nos subterrâneos, ficavam as jaulas dos animais, bem como todas as celas e galerias necessárias aos serviços do anfiteatro.
Maiores informações :

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

AMAR, AMOR !!!


Amar ?
Meu amor ?
Demoramos para aprender...
A vida sempre traz surpresas !!!
A pergunta :
O que eu preciso fazer para 
voce ser mais Feliz ?
Alguns diriam que se faz a pergunta...
Ja passei do tempo em que me achava inteligente !!!
Descobri que se temos os famosos sentidos...
seis para alguns...
cinco para outros...
quatro, tres dois ou um !!!
Devemos usa-los !!!



terça-feira, 18 de janeiro de 2011

ARVORE AMIGA....


Minha Amiga Árvore !!!
Talvez você com 
seus 500 anos...
possa me dar umas dicas...
De como passar por esses...
Invernos
(não confundir com
Infernos).
Afinal ter vivido tanto 
deve ser bastante interessante...
As vezes nos humanos
somos meio apressados...




segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

JANEIRO

A idéia em Janeiro desse Blog é tentar resgatar alguns Post's que considerei interessantes.
colocarei o número 2, 
significando uma reprise. 
Toda ajuda é bem vinda !!!
Num comentário de ontem o pedido para escrever para uma pessoa que ama,
ou que amou.
Muito estimulante o pedido.
Escrevo na sexta !!!
Obrigado !!!

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

NICOLETTA CECCOLI



Finalmente Mara Salles conseguia inventar o penteado perfeito,  provavelmente seria conhecido como permanente plus ultra...
Um tanto diferente e extremamente interessante !!!

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

MOSCOU

Fazia muito frio, mas a cidade era imperdível.
Conhecer a Catedral, o Kremlim, a Praça Vermelha.
Nem perguntem o por quê de Vermelha....
Talvez os russos saibam.
Pensei encontrar Dostoyevsky, talvez ele me esclarecesse tantas dúvidas...
Quem sabe Tolstoi, Gogol, Gorki, Pasternak, Nabokov, Tchekhov.
Um verdadeiro encontro literário numa Biblioteca ou numa Praça Azul.
Quem sabe possamos reunir todos em algum dia em algum livro, ou melhor, num romance com autores.
Quem quiser começar...
Boa sorte !!!!

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

ADRYANA RIBEIRO

Nunca esqueça que existem quatro coisas na vida







que não se recuperam :


...














A pedra - depois de atirada;














A palavra - depois de proferida;














A ocasião - depois de perdida:














O tempo - depois de passado






UM.






Dê mais às pessoas do que elas esperam, e faça-o com alegria.






DOIS.






Case com alguém com quem você goste de conversar.






À medida em que vocês forem envelhecendo, seu talento para a conversa se tornará tão importante quanto os outros todos






TRÊS.






Não acredite em tudo o que ouve:


Não gaste tudo o que tem;


Não durma tanto quanto gostaria.






QUATRO.






Quando disser 'eu te amo', seja sincero






CINCO.






Quando disser






'sinto muito'






olhe nos olhos da pessoa.






SEIS.






Fique noivo pelo menos durante seis meses antes do casamento.






SETE.






Acredite no amor à primeira vista.






OITO.






Nunca ria dos sonhos dos outros.






Quem não tem sonhos tem muito pouco.






NOVE.






Ame profundamente e com paixão.






Você pode se ferir, mas é o único meio de viver uma vida completa.






DEZ.






Quando se desentender, lute limpo. Por favor, nada de insultos.






ONZE.






Não julgue ninguém pelos seus parentes.






DOZE.






Fale devagar mas pense depressa.






TREZE.






Quando lhe fizerem uma pergunta a que não quer responder, sorria e pergunte; 'Porque deseja saber?'






QUATORZE.






Lembre-se que grandes amores e grandes realizações envolvem grandes riscos.






QUINZE.






Diga 'saúde' quando alguém espirrar.






DEZESSEIS.






Quando você perder, não perca a lição.






DEZESSETE.






Recorde-se dos três 'R':


















* Respeito por si mesmo,














* Respeito pelos outros,














* Responsabilidade pelos seus atos.






DEZOITO.






Não deixe uma pequena disputa afetar uma grande amizade.






DEZENOVE.






Quando notar que cometeu um engano, tome providências imediatas para corrigí-lo.






VINTE.






Sorria quando atender o telefone.






Quem chama vai percebe-lo na sua voz.






VINTE E UM.






Passe algum tempo sózinho e reflita.

sábado, 1 de janeiro de 2011

CLARICE LISPECTOR !!!




" Uma das coisas que aprendi e que se deve viver apesar de.

Apesar de, se deve comer. 

Apesar de, se deve amar. 

Apesar de, se deve morrer.

Inclusive muitas vezes e o próprio apesar de que

nos empurra para frente. "

Clarice Lispector