Seguidores

segunda-feira, 4 de maio de 2015

SIMONE 28


Das várias vertentes que a vida nos oferece, 
escolhemos a que melhor nos convém, 
sem perceber que conveniência tem preço. 
Considero fazer escolhas o maior presente que recebemos da vida. 
Não é só prazeroso, é também estimulante, 
pois nos dá a sensação (nem sempre real) 
de que temos domínio sobre nós mesmos. 
Entretanto, ledo engano! 
O prazer da escolha é sempre sopesado pela consequência dela, 
que na maioria das vezes não é cem por cento o esperado. 
Desesperados, passamos a justificar, 
em algo ou em alguém, 
todos os equívocos que nos acometem. 
Ainda assim, “fazer escolhas” 
não deixa de ser um PRESENTE MARAVILHOSO. 
Escolhi ser, e é tão difícil ! 
Por vezes chega a ser até perverso. 
Gosto do efeito dessa sensação em mim, 
sobre mim mesma. 
O resto é consequência.

2 comentários:

  1. La vida siempre es un regalo, el mejor que tenemos, aunque no siempre sea de color de rosa.
    Saludos ccordiales.

    ResponderExcluir